Dicas para evitar alto consumo de água e conta alta

Veja as dicas de como fazer para evitar alto consumo de água e conta alta. faça uso consciente, reutilize a água, pratique econômia, verifique instalações, simplifique ao lavar louças entre outras dicas.

Hoje em dia, são muitos os gastos com diversas coisas, e quanto mais se economizar, melhor. No caso dos gastos com água, é perfeitamente possível pagar um valor mais reduzido por esse tipo de conta. Basta seguir alguns conselhos bem simples.

E são justamente essas dicas para evitar uma conta de água alta que vamos mostrar a seguir. Depois disso, você verá como a economia foi grande.

Faça uso da água de maneira consciente

Uso consciente de água

Uma das principais dicas para evitar uma conta de água cara é usar esse líquido de forma consciente, ou seja, usando apenas o necessário e não estragando água de jeito nenhum.

Pra isso, algumas atitudes simples são fundamentais, como, por exemplo, reduzir o tempo que se passa no banho, fechar a torneira na hora de escovar os dentes ou fazer a barba, deixar acumular uma quantidade razoável de roupas sujas para lavar todas de uma vez, e por aí vai.

Inclusive, pra se ter uma ideia, entre essas dicas, economizar no tempo do banho (também desligando o chuveiro enquanto se ensaboa) pode economizar cerca de 132 litros por mês por cada pessoa.

Quanto à lavagem do seu carro, a economia no uso da água também é igualmente importante. Por exemplo: ao invés de uma mangueira, use um balde para fazer esse tipo de lavagem.

Tente reutilizar a água que gasta no dia a dia

reutilizacao-da-agua

Sabe aquela quantidade (muitas vezes, enorme) de água que vai literalmente pelo ralo? Pois bem, é perfeitamente possível fazer a reutilização dela.

A água do enxague da máquina de lavar, por exemplo, pode ser reaproveitada para lavar a sua calçada.

Por sinal, até a água da chuva pode ser utilizada caso seja captada em reservatórios. Basta colocar um filtro, ou mesmo um coador na boca da calha (pois, assim, impede-se o acúmulo de sujeiras), e usar a água para regar as plantas ou lavar o quintal.

Dá até mesmo para usar um balde para captar a água do seu banho, com ela podendo ser reaproveitada para dar descarga no vaso.

Utilize produtos que geram economia

Produtos que geram economia de água

Outra das dicas para evitar uma conta de água cara é instalar arejadores ou mesmo redutores de vazão nas torneiras do seu imóvel. Em média, esses aparelhos podem reduzir o consumo em até 20% por mês.

Esses utensílios são facilmente encontrados em lojas de utilidades domésticas, por exemplo, e, ainda por cima, podem ser facilmente instalados.

Já na área do banheiro, o ideal é apostar em caixas acopladas ao invés de hydras. A diferença de consumo por chegar a 27 litros por descarga dependendo do modelo que você escolher.

Fique atento à existência de vazamentos de água

Veja se há vazamentos de água

Caso você tenha percebido algum aumento significativo em sua conta de água de uma hora para outra, um dos prováveis motivos é a existência de vazamentos. Contudo, mesmo se a sua conta vem aumentando gradativamente, mês a mês, é bom considerar essa hipótese.

Uma forma de saber isso feche as torneiras, chuveiros e o registro de entrada de água em reservatório, e não use o sanitário. Vá até o hidrômetro e verifique se ele está girando. Caso esteja, é possível que haja algum vazamento nos canos do seu imóvel.

Na maior parte dos casos, inclusive, os vazamentos ocorrem nos canos e nos sanitários da casa, e são, via de regra, muito fáceis de serem consertados.

Ao detectar que existe esse problema, o recomendável é buscar ajuda profissional, com técnicos qualificados que irão fazer um conserto rápido e seguro nas instalações.

Tenha atenção com a manutenção de suas instalações

Manutenção das instalações de água

A manutenção dos encanamentos e torneiras do imóvel também está entre as principais dicas para evitar conta de água cara. Pode parecer que são gastos desnecessários, mas, acredite: deixar o tempo deteriorar esses itens vai custar bem mais no futuro.

Até mesmo porque vazamentos (sejam eles nas torneiras, no chuveiro, ou no encanamento como um todo) podem ser provocados por meio do desgaste desses materiais com o passar dos anos. E, todos nós sabemos que vazamento é sinônimo de desperdício de água, não é mesmo?

Por isso que é tão importante chamar uma equipe técnica especializada nesse tipo de conserto para evitar que esse problema se alastre e cause prejuízos ainda maiores

Portanto, de tempos em tempos, é recomendável trocar esses equipamentos por outros novos, e garantir que o funcionamento das instalações esteja plenamente adequado.

Faça uso correto do lava-louças

Máquina de lava-louças

Usar uma máquina de lava-louças é sempre muito útil para ganhar tempo. Mas, também é necessário ter cuidado para que na haja gastos excessivos e isso deixe a sua conta de água maior do que o necessário.

Uma dica é retirar os excessos antes de começar a usar a lavadoura, e só ligá-la quando ela estiver realmente cheia (mas, não muito lotada de itens). Inclusive, dessa forma, além de economizar água, você também gasta menos energia elétrica.

Por sinal, você sabia que as máquinas de lavar-louças gastam cerca de 80% menos água do que lavagens manuais? Elas podem até mesmo ser usadas para lavar peças que estejam bastante engorduradas, e que necessitariam de muita água pra serem limpas.

Pra se ter uma ideia, usar uma máquina dessas, para uma família de seis pessoas mais ou menos, gasta em torno de 8 litros por ciclo. Já se a torneira da pia ficar aberta por cerca de 15 minutos para poder lavar as louças dessa família, o gasto médio seria de 100 litros.

Ou seja, fazer uso dessa máquina de maneira correta possibilita uma conta de água mais barata.

Use uma bacia na pia

Uso de bacia na pia

Suponhamos, contudo, que você não tenha uma máquina de lavar-louças, então, o que fazer para lavar esses utensílios sem gastar tanto e evitar uma conta de água cara? Simples: pegue uma bacia pequena ou um balde e coloque na pia.

A partir do momento em que você vai lavando a louça, vai reutilizando a água e gastando menos. Dá pra usar ainda uma travessa ou panela que não estejam sujas para fazer esse processo. Assim, não precisa necessariamente de um recipiente muito grande.

Esse método é ótimo, por exemplo, para aquelas pessoas que moram sozinhas, ou em casas com, no máximo, duas pessoas.

Não lave as roupas com tanta frequência

Lavando louça com pouca água

Outra grande inimiga do gasto excessivo de água é a lavagem constante de roupas, praticamente todos os dias. Na prática, porém, não é necessário fazer isso.

Inclusive, esses cuidados devem ser aplicados na escolha da máquina de lavar também. Pra escolher a melhor, é preciso levar em consideração a quantidade de pessoas da casa e o volume semanal de roupas que podem se acumular.

O ideal é usar a lavadoura em sua capacidade máxima, uma única vez por semana, tendo juntando uma quantidade expressiva de roupa pra ser lavada de uma vez. Dessa forma, além de economizar na água, você também economiza na energia (que nem na máquina de lavar louças).

Só pra comparar, uma torneira aberta em um tanque por 15 minutos gasta, em média 250 litros de água para lavar 5 kg de roupas apenas. Já esses mesmos 5 kg podem ser lavados na máquina com 80 ou no máximo 100 litros.

Lembre-se também de que o tipo de máquina vai depender da quantidade de pessoas em casa. Quem mora sozinho, por exemplo, não precisa de uma de 17 kg, e um imóvel com 10 pessoas não pode ter uma de apenas 3 kg.

Tente usar máquinas a vapor

Use Máquina a vapor

Finalizando essas dicas para evitar contas de água caras você pode fazer uso das chamadas máquinas a vapor, por exemplo.

Alguns lugares da casa precisam de faxina constante, mesmo que você utilize uma vassoura para tirar aquele excesso de sujeira, sempre vai restar algum resíduo a mais. Por isso, é tentador que usemos água em abundância para limpar essas partes do imóvel.

Porém, existem opções mais econômicas e ecologicamente corretas. Uma delas é a limpadora a vapor. Ela funciona da seguinte maneira: dentro de um compartimento, a água é esquentada e sai em forma de vapor pelo cano do aparelho.

Com isso, a máquina aquece e remove a sujeira com uma combinação de pressão e calor. Na prática, digamos que a área a ser limpa seja de uns 6m2. O gasto normal com esse espaço seria de 22 litros de água. Com a limpadora a vapor, o gasto é na faixa de apenas 140 ml de água.

Conclusão: economize água

Economize água

Ter casa, louça, roupas e até pessoas limpas exige o uso de água, obviamente. Porém, é possível gastar menos fazendo o mesmo tipo de atividade e evitar uma conta de água cara. Basta que você tenha algumas mudanças de atitude cotidianas, e você verá o resultado todo mês.

E, claro, em caso de situações nas quais você não possa resolver (como conserto de vazamentos, por exemplo), chame sempre profissionais adequados para cuidarem dessa questão. Assim, a manutenção da casa em si e dos seus gastos com água ficarão resolvidos.

CAÇA VAZAMENTOS NA SUA REGIÃO, ÁGIL E COM RESPEITO

Caça Vazamentos Zona Leste, Zona Norte, Zona Sul, Zona Oeste e São Paulo Capital.

(11) 2879-9700 Ligue Agora ou Conecte pelo Whatsapp (11) 97084-1278
 
Caça Vazamentos na Região

Prestação de serviços em todas as regiões de São Paulo e Capital.

Agilidade no Serviço

Agilidade na chegada, detecção e reparo do local com vazamento de água.

Respeito ao Cliente

Nossas soluções são executadas priorizando e respeitando nossos clientes.

 
-5%→